rio

rio

sábado, 28 de fevereiro de 2015

O PREFEITO DE MACAPÁ DEVERIA TER VERGONHA DESSA FOSSA NO CENTRO DA CAPITAL


QUE LOUCURA > QUEBRA QUEBRA EM BRASILIA


QUE LOUCURA > Boatos dão conta que os deputados federais Janete Capiberibe e Roberto Goes passaram do bate boca para a agressão. SERÁ ?

ANTONIO LUIZ, UM "SER HUMANO SINGULAR"



ANTONIO LUIZ É UM SER HUMANO SINGULAR, QUE DECIDIU AMAR O AMAPÁ, E POR ISSO MERECERIA TODOS OS ANOS, VOTO DE LOUVOR DE PARLAMENTARES DAQUI, que preferem dar titulos a BANDIDOS e não reconhecer a importancia de quem realmente merece.

  • Neca Machado SER HUMANO DOS MELHORES Antonio Luiz, QUE BOM SE TIVESSEMOS OUTROS IGUAIS A VOCE.
    1 h · Descurtir · 3
  • Antonio Luiz Obrigado, abençoada e iluminadaNeca Machado!!!
    Você não imagina a honra que sinto com as suas palavras.
    Mais uma vez, obrigado querida Neca!!!!
  • Neca Machado VOCE é daquelas pessoas que AMAMOS PELO BOM CORAÇÃO, PELAS ATITUDES, PELAS AÇÕES, se doa, se entrega, é sensato, diferente de muitos que nem a DOR CONSEGUE Melhorar suas atitudes e o coração, tem uns com o PÉ NA COVA, mas continuam com o nariz acima dos ceus. AMO VOCE > Se lembrassem que BACTERIAS SÃO MELHORES DO QUE ELES, saberiam o valor de um AFETO. EU TE AMO

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

RETROCESSO NA GESTÃO DAS ESCOLAS NO AMAPÁ


Governador Waldez começa o ano com a INSATISFAÇÃO DE MUITOS COLEGAS PROFESSORES DO EX CCA E DE OUTRAS ESCOLAS QUE RECEBERAM NOVOS DIRETORES SEM CONSULTA PREVIA.
Para muitos educadores é um retrocesso,
brigamos tanto pela gestão democratica, para colocarmos PESSOAS COMPETENTES e que realmente conheçam a realidade da escola, mas parece que isso não foi ouvido. Em algumas escolas já houve eleição democratica, mas em outras NÃO, chegam novos diretores que nem sequer conhecem a realidade institucional, para muitos assim que começar o ano letivo as manifestações chegam as ruas.
É PRECISO REVER AS NOMEAÇÕES.

ARVORES MORTAS EM MACAPÁ VÃO CAIR, E NINGUEM ESTÁ FAZENDO NADA


EULALIO NERY > RECONHECIMENTO EM VIDA


Ontem no hall de um supermercado no bairro do Laguinho o Medico PEDRO PAULO, filho do PIONEIRO > EULALIO NERY > Ficou surpreso e FELIZ de receber MINHA HOMENAGEM a seu PAI.

FAÇO ISSO PORQUE TENHO ORGULHO DE NOSSOS PIONEIROS.

NÃO TENHO APOIO DE NINGUEM.

+26.02.2015 > MORRE O PIONEIRO > FRANCISCO RODRIGUES


PAI DA JORNALISTA FRANCY RODRIGUES > CONDOLÊNCIAS A FAMILIA

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

JUIZ ESPERTO, ALEM DO CARRO, O PIANO....



VAI SER AFASTADO O JUIZ QUE DEIXOU A JUSTIÇA BRASILEIRA "EMBARAÇADA"

ANDAVA NO CARRO APREENDIDO DO EMPRESARIO EIKE BATISTA
LEVOU O PIANO

E AGORA VAI SER AFASTADO.


DEVERIA SER PRESO PARA SERVIR DE EXEMPLO.

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

TAI UM EXEMPLO DE UM JUIZ QUE ENVERGONHA A CLASSE > FICOU COM O CARRO DO EIKE BATISTA


ESSE JUIZ QUE ENVERGONHA A CLASSE DA MAGISTRATURA MERECE > SER PRESO

A REVOLTA DA JORNALISTA ALCINEA CAVALCANTE > VALE A REPRODUÇÃO

Ora bolas, me compra um busto

Postado por: Alcinéa Cavalcante em 23/02/15 as 2:14 pm
Este ano o maior mico do carnaval não foi pago na avenida do samba. Não foi a entrada da Império do Povo sem comissão de frente. O grande mico, o king-kong da quadra momesca, foi o anúncio da mudança de nome da Embaixada de Samba Cidade de Macapá para  Grande Amazônia.
O anúncio foi feito pelo presidente da escola, deputado federal Cabuçu, que justificou que tal mudança visa unicamente “buscar maior abrangência a todos os que moram na Amazônia, universalizar a agremiação e desta forma propagar o carnaval amapaense”.
Ora, ora, que desculpa mais esfarrapada essa. Não precisa e nunca precisou mudar nome de escola de samba para que isso aconteça. Há anos o carnaval do meio do mundo é tão conhecido fora do Amapá que já chegou a ser considerado o quinto melhor do Brasil. Gente do platô das Guianas e dos estados  Pará, Amazonas entre outros  participa do nosso carnaval, seja assistindo ou desfilando nos blocos e escolas de samba, com direito a cobertura dos jornais e TVs francesas. E não se pode esquecer também que nosso carnaval já chegou ao maior templo do mundo da folia momesca: a Marquês de Sapucaí com a Beija-Flor. Portanto, falar que a mudança de nome é para propagar, difundir o nosso carnaval, é desculpa esfarrapada ou desconhecimento de quem se arvora a falar de carnaval sem saber a diferença entre um surdo e um tamborim, ou a vaidade de querer aparecer, tentativa tola de escrever ( a lápis) seu nome na história.
Ora, me compre um busto!
Grave seu nome na história com projetos e ações em benefício do Amapá e seu povo, não tentando apagar – por pura vaidade, repito – a história e a cultura e golpear a memória daqueles que SIM fizeram história e cultura nesta terra.
A Embaixada de Samba Cidade de Macapá foi fundada em outubro de 1964, na avenida General Gurjão (entre as ruas Tiradentes e General Rondon) por um grupo de artistas e carnavalescos como R. Peixe, Alice Gorda (primeira e única Rainha Momo), Raimundo Barros, entre outros. Em plena ditadura fez história com seus enredos satíricos, revolucionou o carnaval amapaense, foi a primeira escola de samba no Amapá a levar alegorias para a avenida e quebrar o preconceito que existia na época contra “moças de família” que desfilavam nas escolas de samba.
Em nota divulgada sexta-feira passada, dia 20, o presidente da escola, deputado federal Cabuçu, diz que “a mudança do nome da agremiação iniciou há um ano, de comum acordo com os seus diretores”. Mas é preciso que eles saibam que a escola não pertecence a eles (diretores)  nem é propriedade de grupo político. A escola é da comunidade. E a comunidade não foi consultada, nem ouvida nem cheirada. Um desrespeito!
Na nota, Cabuçu diz ainda que “prima pelo crescimento do carnaval amapaense e, acima de tudo, pela expansão da arte e cultura do Amapá.”.
Ok. Então que tal, em vez de mudar o nome da escola, garantir emendas no orçamento da União para projetos culturais que promovam a expansão da arte e cultura com inclusão social?
Fica a dica.

TÁ NA HORA DE TRANSFERIR INVASORES DO MEIO DA RUA NO POÇO DO MATO



ESTÁ NA HORA DE TRANSFERIR ESSAS FAMILIAS QUE REALMENTE MERECEM UM LUGAR MELHOR PARA MORAR.

O PREFEITO CLECIO TEM NAS MÃOS CONDIÇÕES DE MELHORAR O BAIRRO DO LAGUINHO.

FALOU TANTO EM TOMBAMENTO DO POÇO DO MATO, QUE ESQUECEU.

AQUI VIROU UM NEGOCIO DE ESPECULAÇÃO NO CENTRO DA CIDADE

SÃO DEZENAS DE FAMILIAS NEGOCIANDO CASAS NO MEIO DA RUA.


TEM MUITA GENTE QUE NÃO PRECISA. É PURA ESPECULAÇÃO.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

DENUNCIAS GRAVES DO CIOSP DO PACOVAL


O Secretario de Segurança Publica do Amapá precisa com URGENCIA monitorar o sistema de funcionamento do CIOSP DO PACOVAL, o servidor que atendia ontem dia 23.02.2015 na recepção pela parte da noite, estava mal humorado, repetiu diversas vezes que O SISTEMA ESTAVA LENTO, QUE NÃO TINHA TRABALHADORES PARA EXECUTAR O ATENDIMENTO, que já tinha feito uma DENUNCIA NA OUVIDORIA, E FEZ UMA COLOCAÇÃO MUITO GRAVE > SEGUNDO SUAS PROPRIAS PALAVRAS > "EXISTEM SERVIDORES QUE FAZEM PLANTÃO, RECEBEM E NÃO VÃO TRABALHAR" SEU NOME É > JAIRO.

REVOLTA NO AMAPÁ > PROJETOS INCONCEBIVEIS


CONCESSÃO DE TITULO DE CIDADANIA VIROU MOEDA DE PAGAMENTO DE DÍVIDA NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO AMAPÁ
A Assembleia Legislativa do Amapá - como se não bastasse a vergonha nacional a que submeteu os homens e mulheres de bem desta terra quando a mídia nacional colocou a nu os escândalos de corrupção ali investigados e revestido das mais robustas provas comprobatórias - agora quer levar, junto com seus parlamentares, ao cadafalso da humilhação, um dos cidadãos mais respeitados e probos deste Estado.
O FATO
Um dos deputados estreantes desta legislatura, que teve sua campanha financiada por um dos maiores escroques da banda podre do empresariado amapaense, agora, para pagar sua dívida, apresentou e conseguiu aprovar - também pela banda podre do legislativo - a concessão do titulo de Cidadão Amapaense ao seu investidor, um gaúcho que aqui enriqueceu a custa de manipulação de concorrências públicas durante o governo do PDT no Amapá, conforme foi investigado pelos órgãos de repressão à corrupção onde foram colhidas fartas e irrefutáveis provas. Sabemos que as cobranças do investidor da campanha claro não vão ficar apenas nesse favorzinho. Porquanto durar o mandato seu "benfeitor" será, sempre, seu dono e senhor.
CAMUFLAGEM
Acontece que o deputado sabia seu projeto não seria engolido pelo eleitorado, principalmente os amapaenses ou os que amam esta generosa mesmo aqui não tendo nascido.
Pois bem. Era então preciso maquiar o projeto, juntando ao pedido de cidadania do empresário denunciado por crimes um outro nome.
E assim, hoje, um dos nomes mais respeitados da cultura do Amapá, vigiense do Pará, 50 anos de respeito e prestigio nesta terra, corre o risco de ver seu irrepreensível nome listado ao lado de uma das figuras mais nefastas do empresariado desta terra.
NONATO LEAL, uma lenda viva da nossa cultura, um nome de respeito moral e social consolidado, amado por todos que o conhecem, não merece a humilhação de sentar ao lado desse aventureiro chamado LUCIANO MARBA,
Que se conceda quantas honrarias existirem ao ilustre amapaense vigilengo Nonato Leal. Ele será digno de todas. Se tiver que ser acompanhado, que seja ao lado de personalidades da sua altura do seu caráter.
Curtir ·  · 

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

ABSURDO > É O QUE A POPULAÇÃO DO AMAPÁ > PENSA

NOTA DE ESCLARECIMENTO
EMBAIXADA DE SAMBA CIDADE DE MACAPÁ
escola de samba Embaixada de Samba Cidade de Macapá, fundada em 1964 por R. Peixe e outros carnavalescos passará futuramente por uma mudança de nome, onde será Embaixada de Samba Grande Amazônia. Diante do imbróglio gerado por este fato, após a divulgação realizada pelo presidente da escola Nilson Borges no sábado (14) em Macapá, se despertou um mau entendido sobre o assunto, portanto se esclarece:

  1. A mudança do nome da agremiação iniciou há um ano, de comum acordo com os seus diretores, após criteriosa análise. Acerca disso, foi acertado que a partir de 2016, quando forem concluídos os trâmites jurídicos, que já estão em andamento, a escola passará a ser chamada Embaixada de Samba Grande Amazônia. Ato que buscar maior abrangência a todos os que moram na Amazônia, universalizar a agremiação e desta forma propagar o carnaval amapaense.

  1. Não há em Macapá uma sede física da Embaixada de Samba, e tampouco haverá em Mazagão. O que pretende-se é presentear os ritmistas da escola, que somam 90% de munícipes mazaganenses, com um espaço para os ensaios e armazenagem dos instrumentos. Há dois anos os ritmistas adotaram a Embaixada de Samba e é justo dar-lhes um lugar para que se reúnam e desenvolvam atividades ligadas à cultura e preparo para o carnaval. Desta forma, reafirma-se que não há a pretensão de transformar Mazagão na sede da agremiação, mas sim em uma extensão da escola.

  1. Mazagão é um município rico em cultura e não há nada que onere esse fomento à expressão cultural da cidade, sendo que Macapá continuará abrigando o barracão de alegorias, sito à Cidade do Samba; e também o barracão de adereços e fantasias, sito à escola municipal Wilson Malcher.

Diante destes esclarecimentos, reitero a informação de que a Embaixada de Samba Cidade de Macapá prima pelo crescimento do carnaval amapaense e, acima de tudo, pela expansão da arte e cultura do Amapá.

Macapá, 20 de fevereiro de 2015

NILSON BORGES
PRESIDENTE DA EMBAIXADA DE SAMBA CIDADE DE MACAPÁ

domingo, 22 de fevereiro de 2015

ABSURDO. VALE A REPRODUÇÃO (AC)

Apenas, parem!

Alcilene Cavalcante em 21 de fevereiro de 2015
Todo mundo estarrecido com a ridícula intenção de mudar o nome da Embaixada de Samba Cidade de Macapá.
E ainda querem levar a embaixada pra o município de Mazagão, onde o prefeito é da família Borges, grupo político que nos últimos anos tem comandado a Agremiação carnavalesca.
Comunidade do samba. família de fundadores e brincantes antigos da escola, devem se mobilizar e não permitir tamanho ultraje.
A Embaixada não tem dono e nem é de grupo político.
E tem história. É uma escola antiga, fundada pelo artista plástico e carnavalesco R. Peixe e outros bambas. Foi a Embaixada que revolucionou na década de 70 as alegorias e fantasias do carnaval do Amapá, e fez história com enredos críticos e desfiles luxuosos para a época.
Respeitem!

FEZES, CANAL SUJO, LIXO E AGORA O BARULHO DE SAPOS > EGUA


  • Neca Machado  Prefeito de Macapá insiste em NÃO ENXERGAR O MEIO DA AVENIDA MÃE LUZIA no coração do bairro do Laguinho, centro da cidade, perto da Prefeitura, são casas construidas todo dia, LIXO jogado por invasores do meio da via, FOSSA NO MEIO DA RUA, CANOS DE AGUA IMERSO EM FEZES, E AGORA UM BARULHO INSUPORTAVEL DE SAPOS. EU HEIM.
  • Neca Machado Jogaram uns restos de Macaxeira e elas brotaram no meio da MERDA.

PROGRAMA DE QUALIDADE


UM PROGRAMA DIFERENTE E DE QUALIDADE NO RADIO DO AMAPÁ > "É DOMINGO" sob a maestria do jornalista DOUGLAS LIMA na 90.9 Fm com participação especial do jornalista Wellington Silva.

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

OPORTUNIDADE UNICA > UM SITIO NO CENTRO DE MACAPÁ


Neca Machado VENDO MEU SITIO, OPORTUNIDADE IMPERDIVEL NO CENTRO DE MACAPÁ > 25X60M DE FUNDOS COM AREA TOTAL DE 1500m², POSSUI 100 PÉS DE AÇAIZEIROS PRODUTIVOS > PÉS DE UVA > PÉS DE CACAU > MANGA DE QUILO > PÉS DE GOIABA ARAÇA PRODUZINDO 03 SAFRAS AO ANO, COM 10 COMODOS NA PARTE DE CIMA > COM GARABEM, ESCRITORIO NA PARTE DE BAIXO > CENTRO DE MACAPÁ. CONTATO > 99151.4246

IMBECIL CHAMA "BANDA DO AMAPÁ" DE ZUMBIS DA CULTURA

Dalva Miranda aborrecida com um IMBECIL que soltou os cachorros sobre a BANDA DO AMAPÁ onde chama de ZUMBIS DA CULTURA o POVO DAQUI.

RESPOSTA DA NECA



"INFELIZMENTE não será o primeiro, nem o ultimo a traçar adjetivações MEDIOCRES como esta, é a  democracia das expressões. Por aqui o que recebemos de gente INGRATA COM O AMAPÁ, não é fácil."

Todos os dias aparecem carreiristas neste FIM DO NADA procurando espaço como disse o apresentador Luciano Huck outro dia em seu programa, tudo isso porque se a Secretaria de Turismo coibisse divulgações do Estado com cunho irônico e controlasse o que divulgam em nível nacional, não passaríamos vergonha.

O Amapá recebe gente que vem se DAR BEM por aqui porque suas CIDADES MARAVILHOSAS sequer lhe deram trabalho, mas mesmo assim, ousam FALAR MAL de uma cidade que os ACOLHEU, dando lhes dignidade.

SOU AMAPAENSE BAIRRISTA SIM! Bairrista porque teimo em respeitar e preservar nossa CULTURA através da valorização de nossos PIONEIROS, em detrimento de muitos que enriquecem aqui e sequer fazem algo pelo Amapá. Porem não tenho xenofobia (aversão ao estrangeiro) SOU CASADA com um cidadão alemão que merecia dos Parlamentos pelo menos um voto de louvor, porque é ele que paga com sua aposentadoria os BANNERS que divulgo nossos PIONEIROS em um supermercado do Bairro do Laguinho.



DESPERDICIO DE AGUA NO MEIO DA AVENIDA MÃE LUZIA-LAGUINHO


TEM UM CANO QUEBRADO NO MEIO DA AVENIDA MÃE LUZIA NO BAIRRO DO LAGUINHO.

Até agora a companhia de agua do Amapá, NÃO APARECEU PARA CONSERTAR.

O DONO DO CANO SEQUER SE MANIFESTOU PARA CONSERTAR.

E NÃO É SÓ O DESPERDÍCIO DE AGUA. TEM MUITO FURTO, É SÓ FISCALIZAR.

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

MUITAS ARVORES EM MACAPÁ ESTÃO ASSIM!


ARVORES SEM MANUTENÇÃO PREVENTIVA DE INSETOS.

E TUDO ISSO EM PLENA PRAÇA CENTRAL DE MACAPÁ


E O PREFEITO COM ALTO INDICE DE REJEIÇÃO.

114 ANOS DE ANTONIO PEREIRA DA COSTA > 17.02.2015



114 ANOS DE ANTONIO PEREIRA DA COSTA
Por: Neca Machado (Pesquisadora de sua Obra)

Se estivesse vivo, faria hoje 17.02.2015 114 anos.”

ANTONIO PEREIRA COSTA É UMA DAS MAIS EXPRESSIVAS PERSONALIDADES PORTUGUESAS COM OBRAS NA AMAZONIA.
Antonio Pereira da Costa

Em 01 de junho de 2012, comemorou-se o CENTENARIO de uma das personalidades mais expressivas do Amapá. JANARY GENTIL NUNES, ele nasceu em 01 de junho de 1912 na cidade de Alenquer Estado do Pará, governou o Amapá por 13 anos, foi nomeado como o Primeiro Governador do Território Federal do Amapá, através do Decreto-Lei nº 5.839 de 21 de setembro de 1943, chegou ao território em um avião da Força Aérea Brasileira no dia 20 de janeiro de 1944.
O Ex-território do Amapá possuía na época uma população de 4.192 pessoas. Janary Gentil Nunes foi um desbravador, estadista que desenvolveu o Amapá, era um visionário, tido por alguns como déspota, mas, inegável sua importância ao estado.
Morreu jovem aos 70 anos de idade no Rio de Janeiro no dia 15.10.1982. Porem, uma das mais expressivas personalidades que colaborou com o desenvolvimento estrutural do Amapá em seu governo, foi o português ANTONIO PEREIRA DA COSTA.
Fui amiga de seu filho COSTINHA que me delegou a exclusividade de publicar sua Biografia.
Antonio Pereira da Costa nasceu em 17 de fevereiro de 1901, em Valadares, Vila Nova de Gaia em Porto-Portugal, filho de Joaquim Pereira da Costa e Maria Rosa Costa.
 Seu pai integrando um grupo de artistas imigrantes europeus portugueses e italianos chega ao Rio de Janeiro na segunda década dos anos de 1900 com o objetivo de executar trabalhos em sua arte, que era escultor e estucador, naturalizando se brasileiro.
 Com o falecimento de sua mãe ANTONIO PEREIRA DA COSTA chega ao Brasil aos treze anos de idade em 24 de setembro de 1914, onde passou a ajudar seu pai na execução de ornatos na cidade de Belém do Pará em obras no PALACETE BOLONHA.
 Percebendo que precisava de aperfeiçoamento técnico na arte de ornatos ANTONIO PEREIRA DA COSTA foi para a cidade do Rio de Janeiro, onde se matriculou na Escola de Belas Artes onde permaneceu de 1917 a 1920, quando por falta de recursos teve que abandona-la e retornar a Belém do Pará. Antes, porem, executou trabalhos artísticos no Prédio do Rio Cassino, dentro do Passeio Publico ao lado do Palácio Monroe na cidade do Rio de Janeiro. Em 1921 viajou para a cidade de São Luiz no estado do Maranhão com a incumbência de esculpir a imagem de Nossa Senhora da Conceição no frontal da Catedral da cidade.
Ainda em 1921 juntamente com seu pai, foi a cidade de Manaus onde os dois realizaram trabalhos de restauração na fachada do Teatro Amazonas. ANTONIO PEREIRA DA COSTA casa-se em 1922 com a pernambucana Lydia Bezerra da Silva, com quem teve oito filhos: Erotylde, José, Elza, Maria Rosa, Joaquim Agostinho, Antonio Filho, Mario e Terezinha. Em 1923 foi chamado novamente a cidade de São Luis para esculpir o busto do então governador do Maranhão, época em que nasceu a sua primeira filha Erotylde a única maranhense.
 Ainda em São Luiz-MA esculpiu também o Busto do Dr. Tarquínio Lopes Filho proprietário e Diretor do Jornal a “Folha do Povo.” Instalando-se em São Luis-MA seu pai Joaquim Costa lá montou uma fabrica de artefatos de cimento, como: mosaicos e marmorites, transferindo-a anos depois com todo o maquinário para Belém do PA.
RETORNO A PORTUGAL DE SUA BIOGRAFIA

Em 2013 depois de reunir no Amapá dados, fotos de suas obras e publicações em Jornais locais e pesquisa em outras cidades como Manaus e Belém-PA, estive a convite do Secretario de Cultura de sua Cidade em Gaia-Porto-Portugal para ENTREGAR ao Dr. JOAQUIM GUIMARAES parte de seu acervo, e fui recebida no Solar Condes de Resendes onde a partir de então sua cidade Natal agora conhece e sabe o que ele contribuiu para o desenvolvimento da Arquitetura empírica na Amazônia.
Também através de dados fornecidos por mim foi escrito um artigo sobre sua vida e obra na Revista Portuguesa AMIGOS DE GAIA.
O AMAPÁ deve e muito ao PORTUGUES ANTONIO PEREIRA DA COSTA.
Ele também foi um dos fundadores do Conselho Regional de Arquitetura e Engenharia do Estado do Pará e Amapá, e merecia uma publicação sobre sua importância.




segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

BASTIDORES DO CARNAVAL AMAPAENSE 2015


DESCONTENTAMENTO

SEM COMISSÃO DE FRENTE ESCOLA SANTANENSE QUER PROCESSAR COREOGRAFO

E SEGUNDO BOATOS > ELE NÃO RECEBEU, NÃO FOI. HUM.

OUTROS DESCONTENTES POR FALTA DE PAGAMENTO SEGUNDO BOATOS > TOCAM FOGO EM ESCOLA DO MUNICIPIO.

DESTAQUE CAI E FERE A PERNA.

CÂMERAS FLAGRAM  LADRÕES POBRES NO SAMBODROMO
OS RICOS ESTÃO NO RJ.